Quando o assunto é banho e tosa, muitas dúvidas acabam por surgir. Pensando em ajudar você, a Xodó e Bichos, centro veterinário em Guarulhos, preparou algumas dicas ao longo desse artigo.

Na época do calor, o cuidado com os pets precisa ser redobrado.

Como saber se está na hora de tosar o seu pet?

Se você possui essas dúvidas, precisa ler esse artigo.

Essa insegurança com relação a esse assunto é mais comum do que você imagina.

As preocupações giram em torno dos animais de estimação, mas também acontecem por causa dos produtos e outras informações.

É preciso que você fique atento as necessidades do seu animal.

A hora do banho e da tosa vai depender de cada raça, do tamanho e do tipo de pelo.

Quer descobrir mais informações? Continue lendo o artigo para saber mais.


Veja os tópicos a baixo:

  1. Odores e cheiros animal;
  2. Qual a quantidade de banho necessária?;
  3. Outras medidas de higiene;
  4. Outras dicas importantes.

Será que está na hora de levar meu pet no banho e tosa?

Odores e cheiros animal – será que é hora de banhar
e tosar o pet?

Você acha lindo o seu animal todo peludo, mas começou a perceber que ele está incomodado com a pelagem?

Talvez essa seja uma boa hora de banhar e tosar o seu pet.

O seu animal também pode dar outros indícios de que é hora de leva-lo para o banho. Veja!

  • Caso o seu animal esteja com um odor desagradável, é hora de dar um banho no peludo. Isso vai deixar o seu pelo bonito, brilhante e ele voltará a ficar cheirosinho;
  • Os nós estão ficando mais difíceis de serem retirados? Então a hora de tosar o seu animal chegou. É importante diminuir a pelagem para que a pele do seu animal não machuque com os nós e para que o pelo torne a crescer saudável;
  • Se o clima está muito quente, também é hora de banhar e tosar o pet. Nas altas temperaturas, os peludos sentem mais calor. Apenas pense: se você sente calor, imagine eles…

O banho e a tosa trazem muitos benefícios para o pet. Veja alguns:

  • Os pelos mortos são retirados. Isso ajuda a prevenir a proliferação de bactérias e fungos;
  • É possível ter uma melhor visualização da pele do animal. Isso vai facilitar a identificação de carrapatos e feridas;
  • O banho e a tosa permitem retirar os nós e os pelos embaraçados, dando uma maior leveza para os movimentos do pet;

A Xodó e Bichos, centro veterinário em Guarulhos, oferece esses e outros serviços para o seu pet. Entre em contato conosco para saber mais.

Quantidade de Banhos para pets

Qual a quantidade de banho necessária?

Os animais não precisam tomar banho todos os dias, como os humanos.

Porém varia muito da orientação de sua dermatologista ou Dr. Veterinária.

A higiene é fundamental, por exemplo, no caso dos cães, algumas bactérias devem estar presentes para o sistema imunológico. 

Consequentemente, essas bactérias também auxiliam na manutenção da saúde do pet.

Se o clima estiver ameno ou frio, verifique sempre como é o banho e a secagem dos pelos de seu pet.

Sempre mantendo a pelagem bem sequinha para não causar irritações ou até problemas de saúde.

As frequências devem ser decididas com a ajuda de um veterinário.

Entre em contato com o nosso centro veterinário em Guarulhos e marcar um agendamento com um de nossos profissionais. Ele poderá auxilia-ló você a decidir qual é a melhor frequência para o seu pet.

Outras medidas de higiene

Esse período que o pet fica sem tomar banho, não significa que não é necessário mais nenhum cuidado.

Para que os pelos do seu peludo fiquem sempre bonitos e saudáveis, é preciso escovar e retirar as células mortas.

Nos animais com pelos mais longos, a prática precisa ser diária. Isso evita que os nós fiquem mais difíceis de serem desfeitos.

A mesma coisa acontece com os peludos de dupla pelagem, como o Golden Retriever.

Com os pets de pelos mais curtos, a escovação pode ser feita 3 vezes por semana.

Caso o animal comece a cheirar mal antes do dia de tomar banho, uma boa opção é usar shampoo a seco.

Esse produto vai retirar a sujeira superficial, resolvendo o problema de forma temporária.

É importante ressaltar que o shampoo a seco não substitui o banho tradicional.

Lembre-se: ele é fundamental para manter o seu pet limpo, com o pelo brilhante e saudável.

Prevenções de banho e tosa

Outras dicas importantes para quem quer dar banho em casa

Quando for banhá-lo em casa, o ideal é que seja usado shampoo neutro.

Isso deve ser decidido junto com o seu veterinário.

Você pode agendar uma consulta em nossa clínica veterinária em Guarulhos para sanar essas dúvidas.

Não use qualquer condicionador ou perfume em seu pet. Utilize apenas produtos especiais para pets. Dependendo a qualidade pode, inclusive, desenvolver alergia a esses produtos. 

Lembre-se use produtos sempre de qualidade e que seja desenvolvido para pet.

Para quem é dono de primeira viagem, aqui vai a dica para quando os banhos devem ser iniciados.

Use água morna e shampoo próprio para filhotes.

O melhor horário para banhar o pet em casa é entre 11h e 15h, ou seja, final da manhã e o início da tarde.

Essa dica deve ser levada em conta, principalmente, em dias quentes. Evite dar banhos em casa em seu pet em dias frios ou chuvosos.

Eles podem ficar doentes. Além disso, enquanto o dia de banho não chega, fique atento as partes do pet que ficam mais escondidas.

Por exemplo: axilas, virilhas, causa, dobrinhas e patas.

Assim você observa se não há parasitas ou alguma anormalidade.

E se houver, não hesite em procurar um veterinário. Entre em contato com a nossa clínica veterinária em Guarulhos para fazer um agendamento sobre o tema do artigo.

Iremos cuidar do seu pet com amor e carinho. Até mais!

Summary
Será que está na hora de levar o seu pet em um banho e tosa?
Article Name
Será que está na hora de levar o seu pet em um banho e tosa?
Description
Quando o assunto é banho e tosa, muitas dúvidas acabam por surgir. Sempre Pensando em ajudar você, a Xodó e Bichos, centro veterinário em Guarulhos!
Author